Archive for ‘Cores’

12/06/2011

Cores no apartamento!

E aí pessoal?! Como está sendo o dia dos namorados de vocês?

O meu não começou muito bem, o Paulo acordou se sentindo mal e com muita dor, fomos até o hopistal e ele está com uma pedrinha no rim, 3 mm, é pequenininha e vai sair logo, mas a dor foi danada. Agora ele está melhor, tomou remédio para a dor e está bem, precisa tomar bastante água para expulsar a pedrinha. Passado o susto, à tarde trocamos nossos presentes, além de dar o jogo que ele queria, Crysis 2, fiz 5 montagens no Power Point com nossas fotos e mandei revelar no tamanho 15×21, uma foto para cada dia da semana, comprei também um porta retrato pra ele colocar as fotos e deixar na mesa dele no trabalho. Eu ganhei um perfume muito gostoso Cacharel, o Scarlet, o vidrinho é luxo, vintage, a fragancia é muito boa, do jeito que eu gosto para usar no dia a dia, doce e suave, à noite prefiro perfumes doces e marcantes.  Mais um para a coleção, amo perfumes.

Agora vamos falar do título do post, o apartamento já está com mais cara de lar depois de ganhar cores, só está com a primeira demão, mas fez toda a diferença, está com outra cara. Nos 3 quartos ficamos mesmo com as cores que mais gostamos, azul, lilás e verde, nunca enjoamos dessas cores e ficou lindo, eu amei.  A sala eu só vou mostrar um pedacinho porque ainda não está com a pintura completa.

Vamos lá! Clica na imagem que aumenta.

Já que abusamos um pouco das cores nos 3 quartos, escolhemos cores neutras para os outros comodos do apartamento, nada mais neutro que nude, depois do branco.

Para dar um clima de aconchego e sofisticação escolhemos dois tons, um mais clarinho que é o Arroz Doce, e um mais escuro que é o Nude, ambas da Suvinil, com acabamento semi-brilho.

Para teto, portas, janelas e rodapés escolhemos Branco Neve. Sr. Edivaldo já passou a primeira demão nas portas, estou adorando esses contrastes do branco com as outras cores. Lembrando que para madeira e metal a tinta mais indicada é esmalte, tem mais durabilidade. 

Espero mostrar mais semana que vem, já com as duas demãos.

E aí? Gostaram? Contem pra mim o que acharam!

 

Um pouco de Stress!

Estava quase esquecendo de contar…essa semana que passou ficamos chateados com a índole de algumas pessoas, aconteceu uma situação muito chata. Desde o início da reforma deixávamos a chave do apartamento na portaria, meu sogro por ter sido dono do apartamento muitos anos conhece o síndico do prédio, e o próprio síndico nos disse que poderíamos deixar a chave na portaria, tudo bem. No começo da reforma íamos todos os dias à noite no apartamento acompanhar a reforma, com o tempo e a correria do dia a dia reduzimos as visitas somente aos fins de semana, sempre na sexta à noite passávamos na portaria para buscar a chave, porque de fim de semana o prédio é mais movimentado. Essa semana que passou eu fiquei muito ansiosa para ver o andamento da pintura e combinei com o Paulo de passarmos lá para dar uma olhadinha, eu queria muito ver como tinha ficado o tom de azul do quarto, eis que quando fomos abrir a porta estava trancada…estranho. Procuramos a chave e nada. Ligamos para o Sr. Edivaldo, e ele disse que trancou o quarto com as coisas dele e o material da reforma, pois há dias que vinha sumindo coisas do apartamento…como assim?! Ele disse que sumiu um rolo de pintura que haviamos acabado de comprar e ele nem tinha usado ainda, sumiu algumas ferramentas dele, outras coisas ele encontrou em lugar diferente do que ele tinha deixado no dia anterior. Indignados o Paulo foi conversar com o síndico, e o cara teve o abuso de falar para o Paulo conversar com o zelador que é chefe dos porteiros. e tem síndico pra quê?! Enfim, quando o Paulo encontrou o zelador comentou sobre os sumiços, o zelador disse que chegou a pegar algumas ferramentas do pedreiro mas que o proprio Edivaldo havia emprestado pra ele, e o que ele pegou devolveu. Seja lá o que o Sr. Edivaldo emprestou para o zelador, foi no momento que o Sr. Edivaldo estava ali, e não para o zelador entrar no apartamento na surdina, sem ninguém lá, e sem permissão. E ficou por isso mesmo, a palavra dele contra a nossa e não temos como provar nada e nem saber quem realmente pegou, provavelmente quem tinha acesso a chave, porteiros, síndico e zelador. A não ser que os porteiros emprestaram a chave para algum morador bisbilhotar a casa alheia. No andar de cima tem um apartamento reformando e acho que tem mais um outro em outro andar. Sei lá né…Os moradores daquele prédio são antigos, panelinha, como estamos chegando agora enfiamos nossa rabinho entre as pernas para não criar caso, mas agora Sr. Edivaldo precisa vir até a casa do Paulo pegar a chave para depois ir para o apartamento. O Paulo queria tomar medidas mais drásticas…mas falei pra ele deixar pra lá, odeio prédio, vamos morar lá por ser mais seguro, estamos começando nossa vida agora e o apartamento foi o presente que tornou real nosso sonho de casar, mas temos um sonho maior ainda que é contruir nossa casa. Por enquanto, quero me envolver o menos possível com os moradores e não me envolver em confusões. Logo iremos morar lá e mudaremos a porta e a tranca que será chave tetra, mais seguro.  Outra coisa irritante é o estacionamento, não tem cameras ainda, as vagas são numeradas, cada apartamento tem sua própria vaga, é grande e tem um espaço extra para guardar moto, bicicletas e qualquer outra tranqueira. Sempre que vamos no apartamento tem coisa jogada na nossa vaga nesse espaço extra, essa semana tinha duas bicicletas de criança e mais alguma tranqueira que não lembro o que era, outro dia tinha um espelho enooorme quebrado, pesado. Um outro dia chegamos com um monte de coisa da Leroy Merlin, havia umas bicicletas no espaço extra, tivemos que tirar as bicicletas para conseguir descarregar as coisas do porta-malas. O Paulo falou que qualquer dia ele some com tudo, kkkk. E eu falei que qualquer dia jogo tudo no meio do estacionamento, pra irem mesmo reclamar. Por enquanto vou tirando tudo da nossa vaga e jogando em qualquer canto do estacionamento. As pessoas são abusadas demais, fala sério!

Um Beijo e Boa semana! 😉